DFSuin e Seagri-DF debatem certificação de boas práticas agropecuárias para a suinocultura do DF

Nesta quarta-feira (24), a Associação de Criadores de Suínos do Distrito Federal (DFSuin) reuniu-se na sede da Seagri-DF, para debater sobre a inclusão da cadeia de suinocultura no processo de certificação das propriedades em boas práticas agropecuárias. O encontro teve a participação da gerente de boas práticas agropecuárias, Lara Souza, que gerencia o programa Brasília Qualidade no Campo, também do analista da Defesa Agropecuária (SDA/Seagri-DF), Daniel Buso e da equipe DFSuin, representada pelo presidente Josemar Medeiros, o vice-presidente, Alexandre Cenci e o gestor Douglas Rocha.

A gerente Lara Souza explica que a propriedade certificada no programa Brasília Qualidade no Campo, passa por uma auditoria de conformidade que envolve, adequação ao meio ambiente, adequação à legislação trabalhista, adequação à legislação tributária e adequação aos procedimentos de higiene e limpeza nos arredores de todo o contexto da propriedade. Atendendo a esses critérios, o estabelecimento é certificado e recebe o direito de uso do selo de qualidade em BPA.

“Estamos aqui para discutir a extensão do programa para a cadeia produtiva de suínos, o que vai ser muito bom para nós e para o setor. Sabemos que a suinocultura do DF é muito organizada, então têm pequenos ajustes a serem feitos, mas que irão agregar ainda mais valor ao suíno produzido dentro do DF”, destacou.

Para dar prosseguimento à proposta de certificação será formado um Comitê Gestor com membros das entidades: Secretária de Defesa Agropecuária (SDA), Emater-DF, Ceasa-DF e da Vigilância Sanitária Agropecuária.

 

Fonte: Ascom DFSuin

Publicado em: 25/04/2019

 

Últimas Notícias

DFSuin e Sindisuínos participam do II Encontro Distrital da Agroindústria

Representando a cadeia produtiva da suinocultura, diretores e associados da DFSuin/Sindisuínos participaram entre os dias 12 e 14 de junho do II Encontro Distrital da Agroindústria. O evento realizado pela Seagri-DF aconteceu no auditório da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), em Brasília. Na ocasião, suinocultores e representantes dos frigoríficos reuniram-se hoje no local, às 14h, para a realização da Bolsa de Suínos do DF, que ocordou o valor de R$ 5,33 para a comercialização semanal do quilo do suíno vivo no Distrito Federal.

Para o secretário de Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural do DF, Dilson Resende, o encontro foi uma oportunidade do setor discutir os problemas e de tomar conhecimento das propostas do governo do DF, em termos de simplificação de procedimentos e de novas normas. “Então, é um momento do setor se encontrar, debater seus problemas e trazer para o governo, para o setor regulador, demandas que a gente pode agregar no nosso trabalho”. Ele destaca ainda, que a suinocultura tem participação expressiva no processo agroindustrial do DF. “A suinocultura agrega a transformação dentro da indústria de suínos e é maior devido ao consumo de embutidos”.

Leia mais...

PARCEIRO DO MÊS

Estado Kg/vivo
DF R$ 5,33


Fonte: CEPEA/ ESALQ
Válido de 15/06 a 21/06/2019

Valor acordado na bolsa de suínos realizada no dia 14/06/2019, às 14h, na sede CNA

Cotações anteriores (2019)

 

Panorama Semanal do Mercado Suíno

Veja Aqui

Informativo

8° FESTIVAL SABOR SUÍNO

Design: Conectando Pessoas - Criação de Sites e Marketing Digital